Poema #01

Ando meio sumido do blog, eu sei.

Mas é porque minha vida anda muito corrida. Saio todo dia 6:30 de casa e volto as 23:00, se eu tiver sorte.

Estou sem tempo para nada, e a grande verdade é que eu também estou sem criatividade.

Para não passar em branco, deixarei aqui um poema que eu considero um dos melhores já lidos. Tentarei manter este “quadro”, de sempre que puder, deixar um poema que eu particularmente acho/achei bom. E prometo que farei o possível para voltar logo, pois tenho um assunto em especial que quero escrever. Espero que gostem.

Bom, aqui vai:

“A Dança” de Pablo Neruda

Não te amo como se fosses a rosa de sal, topázio
Ou flechas de cravos que propagam o fogo:
Te amo como se amam certas coisas obscuras,
Secretamente, entre a sombra e a alma.
Te amo como a planta que não floresce e leva
Dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
E graças a teu amor vive escuro em meu corpo
O apertado aroma que ascendeu da terra.

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
Te amo assim diretamente sem problemas nem orgulho:
Assim te amo porque não sei amar de outra maneira,
Senão assim deste modo que não sou nem és,
Tão perto que tua mão sobre o meu peito é minha,
Tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho.

Antes de amar-te, amor, nada era meu:
Vacilei pelas ruas e as coisas.
Nada contava nem tinha nome.
O mundo era do ar que esperava
E conheci salões cinzentos,
Túneis habitados pela lua,
Hangares cruéis que se dependiam,
Perguntas que insistiam na areia.
Tudo estava vazio, morto e mudo.
Caído, abandonado, decaído,
Tudo era inalianavelmente alheio.
Tudo era dos outros e de ninguém,
Até que tua beleza e tua pobreza
De dádivas encheram o outono.

3 thoughts on “Poema #01

  1. Outro dia entrei numa discussão numa outra comunidade em que eu falava que não gostava de Pablo Neruda e o povo de lá quase me bateu virtualmente, hahahahahaha, mas esse poema é muito bom!
    Parabens!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s