Sociedade estúpida

Bem…vamos lá pra mais uma aulinha básica de história, o tópico de hoje será sobre a estada de João Goulart.

Primeiro entendamos quem é esse tal presidente que governou de 1961 até 1964.

João era vice de Jânio Quadros, que tentou um golpe (querendo imitar o Getúlio) falando que ia renunciar e tal. Sendo que, o Jânio esperava que não quisessem que ele fosse embora, porque se ele renunciasse João entrava, e João era extremamente populista e nacionalista, ou seja, tinha a intenção de dar privilégios para a classe trabalhadora, o que não agradava, obviamente, a elite e o latifundiário.

Por que não agradava o latifundiário?

Latifundiários são donos de terras, e João pretendia fazer reforma agrária. Óbvio que isso não agradá-los-ia.

Mas enfim…com isso tudo, estudantes e o proletariado fizeram algo que a elite odiou: se organizaram.

Mas por que isso incomodou tanto a elite?

É mais fácil manter seus privilégios com um proletariado desorganizado ou organizado? Óbvio que desorganizado, assim eles não teriam condição de se juntar e fazer revoltas, e/ou sequer pensar sobre seus direitos.

Teve, porém, uma classe da sociedade que foi idiota: a classe média. A classe dos que querem consumir sempre mais e mais, sempre sonhando com uma ascensão social para a classe alta, onde poderiam consumir mais e mais. A imprensa da época mostrava João como um comunista, e em clima de guerra fria, com o Brasil do lado dos EUA, não se podia ter um comunista comandando. A classe média lendo tais jornais, começaram a ficar do lado da UDN, dos militares e da elite contra João. Os militares só se voltaram contra João quando ele se meteu em um assunto lá deles (da marinha, mais especificamente), aí foi a gota d’água, em 01/04/1964 aconteceu o golpe militar, João foi tirado do cargo e foi embora do Brasil; foi quando então começa o regime militar. A classe média, por causa das várias greves dos operários, estavam “sofrendo muito” com isso, pois não tinham água, energia e nem ônibus; como João era a favor das greves, visto que com elas o governo era pressionado, e então, as leis à favor da sociedade seriam mais facilmente aceitas. Sem isso tudo, a classe média temeu pelo pior…temeu por perder o poder de consumir, por isso foram contra João.

Mas agora analisem comigo…a classe média foi contra João pelo medo de deixarem de consumir…então trocaram sua liberdade por um regime militar que os prenderia. Incrível isso, não? Trocaram a liberdade pelo poder de consumo. Acho isso inacreditável e digno de pena, levando em conta que a liberdade é o maior presente que o ser humano tem. Vejo isso com olhos de repúdio, e é incrível como as coisas parecem ainda não terem mudado, pois aposto que se houvesse tantas greves quanto naquela época, a classe média iria contra o presidente e se aliaria a seus inimigos, porque são cegos, porque acham que o que vem no jornal é a mais pura verdade, é o fato. É triste ver como as pessoas conseguem ser manipuladas facilmente.

Ah sim…e sabem o que saiu de manchete no jornal de 02/04/1964 (um dia depois do golpe)? “A DEMOCRACIA VENCEU!” ou “A VERDADEIRA DEMOCRACIA VENCEU!”.

Trilha sonora do dia:

😀

4 thoughts on “Sociedade estúpida

  1. O que eu sei é que você e a Karina andam de conversa sobre a política brasileira… Muito sispeito isso… hahaha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s